Newsletter

Cadastre-se e receba nossos boletins informativos



Agências da ONU e parceiros lançam campanha “Mais Direitos, Menos Zika”
Saúde reprodutiva e direitos são essenciais para combater o vírus zika
OJÚ-OMO - Olhar da Juventude
UNFPA disponibiliza publicações em aplicativo gratuito para smartphones e tablets

Nota de Falecimento - UNFPA lamenta a perda de seu Diretor Executivo, Babatunde Osotimehin

Tamanho da letra:

NAÇÕES UNIDAS, Nova York, 5 de junho de 2017 - Com profunda tristeza o UNFPA, Fundo de População das Nações Unidas, anuncia o falecimento repentino de seu Diretor Executivo, Dr. Babatunde Osotimehin, ocorrido na noite passada em sua casa. Ele tinha 68 anos.

Babatunde Osotimehin foto oficial

Esta é uma perda devastadora para o UNFPA e para as pessoas, especialmente mulheres, meninas e jovens, que ele dedicou a vida a servir, desde quando se tornou médico na Nigéria. O UNFPA expressa sua profunda simpatia à sua família e reza para que tenham a força para suportar essa grande perda.

O Dr. Osotimehin nunca teve medo de enfrentar desafios; sua forte liderança ajudou a manter a saúde e os direitos das mulheres e meninas de todo o mundo na agenda global. Ele entendeu que os 1,8 bilhão de jovens existentes no mundo são verdadeiramente a maior esperança para o futuro.

O UNFPA está comprometido a dar continuidade à visão do Dr. Osotimehin para as mulheres e jovens e continuará defendendo os direitos humanos e a dignidade de todas e todos, particularmente das adolescentes em situação mais vulnerável.

Ele defendeu com vigor três grandes objetivos transformadores: zero óbitos maternos evitáveis, zero demanda insatisfeita por planejamento reprodutivo e a eliminação de práticas prejudiciais contra mulheres e meninas. O UNFPA exorta a todas e todos a honrarem seu legado por meio da união em torno desses objetivos globais.

O Dr. Osotimehin, médico e especialista em saúde pública, tornou-se o quarto diretor executivo do UNFPA e Subsecretário-Geral das Nações Unidas em 1 de janeiro de 2011.

Anteriormente, o Dr. Osotimehin foi Ministro da Saúde da Nigéria e diretor-geral da Agência Nacional de Controle da AIDS, entidade que coordenava o trabalho de HIV e Aids na Nigéria.

O Dr. Osotimehin era médico formado pela Universidade de Ibadan, Nigéria (1972), com doutorado em medicina pela Universidade de Birmingham, na Inglaterra (1979). Foi nomeado professor da Universidade de Ibadan em 1980 e Dirigiu o Departamento de Patologia Clínica antes de ser eleito chefe do Colégio de Medicina em 1990. O Dr. Osotimehin recebeu a honra nacional nigeriana de Oficial da Ordem do Níger em dezembro de 2005. Ele liderou vários conselhos, inclusive no Fórum Econômico Mundial.

Dr. Osotimehin era casado e deixa cinco filhos e vários netos.

banner zica lateral

teste pequeno

banner programa de pais

banner materiais iniciativas

reducao

unfpabrasil "Juntos podemos melhorar a qualidade dos insumos de saúde para populações em situação de maior vulnerabilidade"… https://t.co/ITtXgiXo0Y
12mreplyretweetfavorite
unfpabrasil “É preciso considerar fortemente a população quando se fala em mudanças climáticas” - Jaime Nadal… https://t.co/JvU4KVKA6v
14hreplyretweetfavorite
unfpabrasil Veja a matéria completa do debate sobre política de drogas do Dia Internacional da Juventude -… https://t.co/PvlKVLWati
16hreplyretweetfavorite