Newsletter

Cadastre-se e receba nossos boletins informativos



Assistência após desastres e conflitos negligencia necessidades essenciais de saúde das mulheres

Tamanho da letra:

Relatório Situação da População Mundial 2015 do UNFPA define nova agenda para a resposta humanitária e reforça apoio à milhões de pessoas deixadas para trás

 

capa swop 2015Nações Unidas, Nova Iorque, 3 de dezembro de 2015 - As necessidades em saúde de mulheres e adolescentes são muitas vezes negligenciadas na resposta humanitária aos desastres naturais e conflitos em todo o mundo, mesmo quando suas chances de viver ou morrer em uma crise dependam do acesso a serviços de saúde sexual e ações de saúde sexual e reprodutiva, como atenção de parteiras e parteiros profissionais, ou outros profissionais especializados, e prevenção do HIV, diz um novo relatório divulgado hoje pelo UNFPA, o Fundo de População das Nações Unidas.

Leia mais...

Novo prédio da ONU em Brasília homenageia ativista Lélia Gonzalez

Tamanho da letra:

Brasília, 29 de setembro de 2015 – A Casa da ONU no Brasil inaugura oficialmente nesta quarta-feira, 30, o segundo módulo do Complexo Sérgio Vieira de Mello, em Brasília. O novo espaço reunirá os escritórios de representação dos seguintes organismos: Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres (ONU Mulheres), Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS). Os cerca de 80 funcionários e colaboradores destes organismos se somam a outros 100 colegas já instalados na Casa da ONU desde a inauguração do primeiro módulo, em novembro de 2012.

Leia mais...

ONU Brasil e Governo Federal comemoram o Dia Internacional da Juventude com debate sobre direitos da população jovem (2)

Tamanho da letra:

Discussão sobre o Estatuto da Juventude e intervenções artístico-culturais fazem parte das atividades de comemoração

Brasília (DF) - Nesta quarta-feira (12) o mundo celebra o Dia Internacional da Juventude. Como parte das comemorações, o Grupo Assessor sobre Juventude do Sistema ONU no Brasil – formado por agências do Sistema, pela Secretaria Nacional de Juventude (SNJ) e pelo Conselho Nacional de Juventude (CONJUVE) – realiza, em Brasília, o Seminário “Da Lei à Prática: 2 anos do Estatuto da Juventude e Caminhos para a sua Implementação”. O encontro terá um espaço para o debate sobre a efetivação e ampliação dos direitos das e dos jovens do país e como garantir o investimento na população jovem. O Estatuto da Juventude, que completa dois anos em agosto de 2015, determina os direitos dos jovens que devem ser garantidos e promovidos pelo Estado brasileiro.

Leia mais...

Brasil recebe Delegação de Moçambique em missão de cooperação sul-sul na temática de violência baseada em gênero

Tamanho da letra:

O governo brasileiro recebe, de 5 a 12 agosto, uma delegação do governo moçambicano em Brasília, Distrito Federal, no intuito de conhecer as iniciativas desenvolvidas no Brasil para o estabelecimento de Cooperação Sul-Sul Trilateral na área de enfrentamento à violência baseada em gênero e suas interfaces com a saúde, com foco em mulheres, adolescentes e jovens. Além de compartilhar informações sobre políticas, programas e ações governamentais, também estão previstas visitas à serviços de saúde, atenção e proteção às vitimas de violência (Centro de Saúde Adolescentro, Delegacia Especial de Atendimento a Mulher, Hospital Materno Infantil de Brasilia,Delegacia da Criança e do Adolescente e Casa da Mulher Brasileira).

Leia mais...

banner zica lateral

teste pequeno

banner programa de pais

banner materiais iniciativas

reducao

unfpabrasil "Essa foi uma experiência muito saudável em que me tornei no homem que sou hoje" https://t.co/4E90iZrwwi https://t.co/lMNUB8mG70
9hreplyretweetfavorite
unfpabrasil Você sabia que 1 em cada 3 mulheres em todo o mundo já sofreu violência física ou sexual? #16diasdeativismohttps://t.co/lh6AMXHWL4
14hreplyretweetfavorite
unfpabrasil O secretário-geral da ONU alertou que a prática da #MGF nega a mulheres e meninas sua dignidade e saúde https://t.co/kbVL6LVbOW
17hreplyretweetfavorite