Newsletter

Cadastre-se e receba nossos boletins informativos



UNFPA e Secretaria Nacional de Juventude discutem ações para jovens brasileiros

Tamanho da letra:

A equipe do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) se encontrou na quarta-feira (8) com o Secretário Nacional de Juventude, Assis Filho, para reforçar a parceria em projetos visando a promoção e efetivação dos direitos da população jovem do Brasil.

Entre as ações discutidas na reunião está o resgate do Plano Juventude Viva. O projeto visa reduzir a vulnerabilidade de jovens negros às situações de violência física e simbólica. Assis Filho relata que o plano é extremamente importante para jovens negros, uma vez que há uma dívida histórica da sociedade brasileira com a população negra que deve ser saldada. “Precisamos reconhecer os problemas e buscar parceria para solucioná-los. O combate à violência e a promoção da autonomia da juventude negra é uma parte fundamental destes esforços”.

Os temas discutidos vão ao encontro daqueles abordados no Mapa da Violência de 2016, a ser lançado em 15 de fevereiro. O foco do relatório são os homicídios por armas de fogo no Brasil, que afetam principalmente homens jovens negros, mas que também têm aumentado entre as mulheres jovens. 

Em 2015, a Organização das Nações Unidas declararam o período de 2015 a 2024 como a Década Internacional de Afrodescendentes. Durante os próximos anos, ações contra a discriminação racial e de implementação de políticas públicas para essa população serão reforçadas e estreitamente coordenadas com aquelas relacionadas à consecução da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável.

As ações incluem o lançamento de uma campanha da ONU de combate à violência letal contra jovens negros nos próximos meses. 

O UNFPA e a Secretaria Nacional de Juventude coordenam o Grupo Assessor Interagencial sobre Juventude, que busca estabelecer um espaço de diálogo entre o governo, a sociedade civil e as Nações Unidas no Brasil. Anna Cunha, responsável do UNFPA pela área de adolescências e juventudes ressaltou, durante a reunião, a importância da participação de jovens nas tomadas de decisões em espaços multilaterais, fazendo referência aos eventos recentes realizados no âmbito do Conselho Económico e Social das Nações Unidas - ECOSOC. Jaime Nadal, representante do UNFPA no Brasil, comentou que o Fundo de População visa projetar as políticas de juventude brasileiras no cenário internacional: “as experiências brasileiras permitem nortear temas relacionados à juventude no sul global”.

A equipe do UNFPA que participou da reunião foi composta por Jaime Nadal, representante; Yves Sassenrath, representante adjunto; Fernanda Lopes, representante auxiliar; e Anna Cunha, oficial de programa. Participou também Rafael Braga, chefe de gabinete e coordenador de assuntos internacionais da Secretaria Nacional de Juventude.

Reunião SNJ

Por Jorge Salhani

banner zica lateral

teste pequeno

banner programa de pais

banner materiais iniciativas

reducao

unfpabrasil Quem exerce este tipo de trabalho deve ter acesso aos serviços públicos, à infraestrutura e a políticas de proteção… https://t.co/Nng3Fg2n22
17hreplyretweetfavorite
unfpabrasil Como? Fazendo com que as questões relacionadas ao envelhecimento sejam refletidas na Agenda de Desenvolvimento Pós-… https://t.co/WcHeSA4b8h
22hreplyretweetfavorite
unfpabrasil O Teste Rápido de Gravidez (TRG) é indicado para mulheres em idade fértil que apresentem atraso menstrual de sete d… https://t.co/jFUQrW9UbA