Newsletter

Cadastre-se e receba nossos boletins informativos



Exploração sexual infantil é tema de fórum com participação do UNFPA

Tamanho da letra:

A representante auxiliar do UNFPA, Fernanda Lopes, participa na próxima quinta-feira (18) em São Paulo do Fórum Exploração Sexual Infantil, que visa discutir maneiras de combater essa prática perversa que afeta crianças e adolescentes pelo Brasil. O Fórum é uma realização da Folha de S. Paulo em parceria com o Instituto Liberta e é aberto ao público mediante inscrição.


O evento terá como foco o combate à exploração sexual e ao abuso de crianças, abordando ações do Legislativo e Judiciário, redes de proteção a testemunhas e maneiras como empresas podem ajudar.


O UNFPA estará presente na mesa voltada a debater a cultura do abuso na sociedade brasileira e no mundo, procurando entender as práticas e comportamentos arraigados que dificultam o combate à exploração sexual e abordando maneiras de superar essa cultura de violação de direitos. Serão discutidas também questões como gravidez na adolescência e casamento infantil e apresentadas as recomendações do último relatório Situação da População Mundial do UNFPA, lançado em 2016.


No seu relatório, o UNFPA destaca a necessidade de apoiar e investir em meninas de 10 anos que estão iniciando sua passagem da adolescência para a idade adulta e das quais depende o nosso futuro coletivo, inclusive para o alcance dos objetivos globais de desenvolvimento sustentável acordados pelos países na Agenda 2030.


O Fórum acontecerá no auditório da Unibes Cultural, na rua Oscar Freire, 2.500, em São Paulo e tem sua programação disponível no site da Folha de S.Paulo.Veja a programação do fórum sobre combate à exploração sexual infantil.

 

 

 

banner zica lateral

teste pequeno

banner programa de pais

banner materiais iniciativas

reducao

unfpabrasil UNFPA premia 4 experiências municipais na 14ª Mostra Brasil, "Aqui tem SUS" do Conasems. Leia mais: https://t.co/TvKfUJrmK7
2hreplyretweetfavorite
unfpabrasil Novo relatório do @UNAIDS mostra que 19,5 mi de pessoas vivendo com #HIV tiveram acesso ao #tratamento em 2016:… https://t.co/IIuBZr85wU
6hreplyretweetfavorite
unfpabrasil Um acesso universal ao planejamento reprodutivo voluntário acabaria reduzindo a mortalidade infantil em até 20%.… https://t.co/ftW9qyNcsv
23hreplyretweetfavorite